REVISTA FESTAS ETC E KIDS Nº10

Conversando...

 

Alguns buffets infantis das regiões Norte e Leste perceberam que seus clientes foram crescendo e querendo fazer festas em espaços diferentes dos infantis. De olho nesse mercado, resolveram abrir novas casas com discoteca, DJ profissional, luzes, enfim tudo que os teens gostam. Conheça esses novos espaços e o que eles oferecem.
Para deixar as mesas decoradas ainda mais bonitas, dedicadas boleiras fazem verdadeiras obras de arte. Bolos e minibolos esculpidos ou desenhados dão um toque especial à festa. Veja algumas dessas delícias.
É possível fazer uma festa temática, de forma a combinar todos os itens, do convite à lembrancinha, passando pela decoração, personagens e bolos. Alguns exemplos de festas temáticas nessa edição.
E ainda várias novidades em lembrancinhas para agradar seus convidados. Aproveite a dica e boa festa.

 

Baladas nos Buffets

São Paulo tem centenas de opções de buffets infantis muito bem equipados que fazem a alegria da garotada e o sossego dos pais. No entanto, as crianças crescem e já não querem mais fazer festas em buffets infantis. De olho nesse mercado em crescimento, alguns proprietários de buffets infantis estão abrindo casas para atender os filhos de seu antigos clientes, que querem comemorar em discotecas. Os mais crescidinhos – os pré-adolescentes e os já adolescentes – querem buffets que são verdadeiras discotecas, com equipamentos de som e luz profissionais. Afinal, especialmente a partir dos 12 anos, os teens querem reunir os amigos e curtir a festa com DJ, som e luzes e nada de brinquedos, balões coloridos ou mesa decorada com o tema da moda.

Um dos novos endereços prontos para transformar a comemoração dos teens numa verdadeira discoteca é o Aldeia X, dos mesmos proprietários do buffet infantil Pirilampo’s, o casal Herika e Silvio Vechiato. “Nosso público é fiel e começou a crescer. As crianças passaram a não ser tão crianças e a discoteca do Pirilampo’s ficou pequena para elas”, conta Herika. Assim, o casal foi amadurecendo a idéia de ter um buffet que oferecesse o que há de mais profissional em termos de discoteca, e este ano inaugurou o Aldeia X, localizado na Mooca. “Os pais gostam do buffet infantil pela segurança que oferece, tanto física como em relação à alimentação e bebida. Conseguimos oferecer essa mesma segurança num espaço teens”, aponta.

O bar do piso inferior do Aldeia X serve apenas coquetéis sem teor alcoólico. No mezanino, há um espaço mais tranqüilo próprio para receber os pais. Nas duas escadas de acesso ao mezanino, seguranças evitam que se desça com bebidas alcoólicas. “Seguranças profissionais agem de forma discreta e ficam atentos à lista de convidados. Nas festas, os convidados só entram com convite ou com o nome na lista. Em último caso, chamamos os pais do aniversariante para liberar a entrada”, explica Silvio. Há portas antipânico e a acústica é regularizada pelo Contru- Departamento de Controle do Uso de Imóveis.

O Aldeia X dispõe de um palco opcional, de 15 m2, próprio para shows, montado apenas nas festas em que é contratada uma banda.

A pista de dança é a verdadeira estrela do buffet: oval, com piso em madeira, apropriado para os convidados não escorregarem. O sistema de som e luz é profissional, já que no local funcionava uma danceteria. Além de DJs profissionais, a casa conta com iluminador para direcionar as luzes. “O salão está equipado com sistema de luz Atlas, italiano, que faz um jogo de luzes coloridas conforme o ritmo da música. Há ainda seis movies para o direcionamento da luz, que inclusive pode projetar o nome do aniversariante pela pista”, diz o proprietário.

A alimentação tem a mesma qualidade do Pirilampo’s. A festa Balada, que é o pacote mais vendido, segundo Herika, inclui canapés, 12 tipos de salgados (inclusive folhados), três de lanches, doces, bolo e coquetéis não alcoólicos decorados com canudos coloridos e gelo seco. “Eles fazem a pista de dança ficar mais bonita”, diz Herika. Os pacotes mais completos têm mesa de entrada, com quiches, empadões e tábuas de frios, e mesa de encerramento, com café, chá, licor, petit-fours e tortas doces.

“Montamos a festa conforme o gosto e o bolso do cliente”, adianta. As festas têm cinco horas de duração, com 30 minutos de tolerância. Um horário muito procurado é a matinê de domingo, com início no máximo às 18 horas.

Para Herika, a grande vantagem do Aldeia X é oferecer aos pais dos teens um serviço completo. “Dos bartenders aos seguranças e equipe de limpeza a festa é completa. Os pais não têm que se preocupar em adaptar nada. Além disso, a casa tem um estilo próprio que não exige grandes investimentos em decoração”, garante. Maria Fernanda Bessa Lopes da Silva, cliente do Aldeia X, concorda com Herika. Ela comemorou no novo espaço o aniversário de 15 anos da filha Natasha. Nas 32 mesas dos convidados ela colocou apenas um aquário com uma vela branca em formato de estrela e pétalas de rosa. “O local já é alegre, contemporâneo, próprio para os jovens. Queria para minha filha justamente uma festa moderna, e não de visual carregado”, sustenta a mãe.

Quando criança, Natasha sempre comemorou seus aniversários em buffets infantis. A partir dos 12 anos, porém, a mãe passou a organizar as festas com DJ no salão do prédio onde moram. Para os 15 anos, mãe e filha visitaram alguns buffets mas a garota se encantou com o Aldeia X. Para servir os 250 convidados, elas escolheram um cardápio com mesa de frios e tortas, seguido de coquetel e jantar. Foram servidos conchiglie quatro queijos ao molho branco, lagarto com molho madeira e saladas diversas. Doces e bolo com sorvete finalizaram a noite. Apesar de acontecer num clima de verdadeira balada, mãe e filha não dispensaram um toque formal para a festa de 15 anos: na hora do parabéns, Natasha surgiu em meio a música e luzes especiais, vestindo uma capa em tom creme. A aniversariante tirou a capa e revelou o visual de debutante, com o tradicional vestido branco.

 

Dois em Um

Na zona Norte há um espaço exclusivo para as festas teens. É o Star Teens, anexo ao buffet infantil Star Kids. A proprietária, Carla Zanini, explica que o local tem entrada separada do Star Kids e que a discoteca, com capacidade para 100 convidados, é procurada para aniversariantes a partir dos 10 anos. Há a possibilidade da família utilizar os dois buffets – através de uma passagem interna entre os dois salões, os convidados podem trocar de espaço. “Muitas mães querem o espaço do infantil para receber crianças e adultos e o espaço teens para os adolescentes.

Para as festas de adolescentes, o cardápio mais procurado é o coquetel, com salgados, hot-dog, hambúrguer e crepe no palito. Quando a mãe quer algum complemento, escolhe sanduíches de metro ou mesa de tortas. Os bartenders preparam coquetéis sem álcool, fazendo malabarismo com fogo e garrafas. “Os teens não se sentem mais crianças. Eles adoram esperar os drinks decorados com frutas e canudos no balcão do bar”, diz. O espaço recebe uma discreta decoração de balões, geralmente nas cores prata com azul, pink ou preto. “É um estilo mais fashion”, declara Carla. O bolo é colocado numa mesa pequena e, no momento do parabéns, o aniversariante surge em meio a chuva de papel picado e música computadorizada. Na saída, fica uma mesa de guloseimas à disposição dos convidados.

Mais do que decoração e alimentação, os teens querem mesmo é dançar. “O essencial numa festa nessa faixa etária é justamente o som e a iluminação. Eles não querem mais um som trivial. O DJ vem com mais de 500 CDs ou então baixa do computador a música escolhida na hora. Tudo que o aniversariante quiser dançar, o DJ tem”, garante Carla. Antes da data da festa, o aniversariante se encontra no buffet com o DJ para acertar todos os detalhes e as músicas preferidas. Recentemente, Carla investiu em novos equipamentos de iluminação, que garantem ótimos efeitos especiais de som e luz: dois CDJ, um mixer, um equalizador, duas caixas amplificadas italianas, um subamplificado, luz estrobo, raptor, bola joaninha, raio de sol, laser vermelho e verde, máquina de fumaça e um retorno amplificado.

Carla comenta que sempre que algum cliente chega para conhecer o salão, o som é ligado. Não há jovem que não se encante. Foi o que aconteceu com Nathalia, que comemorou no Star Teens dois aniversários: o de 14 e o de 15 anos. “A partir dos 12 anos, comecei a comemorar o aniversário da Nathalia no salão do prédio, com DJ. Mas, em salão sempre há o problema do barulho e do horário. Aos 14 anos, ela quis mais efeitos de som, laser e luzes”, lembra Marlu Marques Carvalho Gomes, mãe da garota.

Marlu já conhecia o qualidade da comida e dos serviços do Star Kids – no ano passado, comemorou lá também o aniversário de seis anos da filha menor, Lethicia. Mãe e filha concordaram, então, que o Star Teens era a melhor opção para que a aniversariante recebesse seus amigos adolescentes. “99% da festa eram dos amigos dela. O local, escurinho e com som alto, é ideal para a garotada”, acredita.

Para a festa de 15 anos, elas repetiram a festa no Star Teens. “Nathalia já havia ganho uma viagem para Disney de presente em vez da festa, mas quando chegou perto da data do aniversário ela quis também a festa. Escolhemos novamente o Star Teens”, explica. Optamos por fazer uma festa descontraída: a aniversariante vestiu jeans e blusa com brilho. Incrementamos um pouco mais em alguns detalhes especiais como acessórios para os adolescentes usarem na pista de dança, como pulseiras de néon e ventilador iluminado. Arranjos de flores iluminados com fibra ótica foram colocados nas mesas dos convidados. Para a hora do parabéns, ela preparou uma surpresa para Nathalia. “Contratei três cavaleiros de honra, típicos de festas de 15 anos. Um entrou com um buquê de flores, outro com uma jóia e outro pegou-a pela mão e a levou até o pai, que colocou nela a jóia. Ela entrou sem saber de nada e adorou a surpresa. Foi um momento que quebrou um pouco o clima descontraído”, relembra a mãe.

 

Os Novos estão Chegando

Este último trimestre do ano reserva boas novidades para quem procura espaços especializados em festas teens, com som e iluminação profissionais e um clima de balada. Em outubro abrem o Portal K, em Santana, e o Beat Club, no Tatuapé.

O Portal K é um projeto dos mesmos proprietários do buffet infantil KBoom (que fica localizado a 500 metros da nova casa): Kátia Africani e Edson Mamede. Há quatro anos com o KBoom, Kátia vinha notando um crescimento no público teen, que busca festas badaladas, sem nenhum toque infantil. Além dos teens, o KBoom atendia também muitos adultos, que pediam que Kátia escondesse os brinquedos do salão. Outros também contratavam serviços especiais, como os bartenders. “Cheguei a perder festas de teens no Kboom porque o aniversariante não queria nada com ‘cara de criança’. Assim, comecei a amadurecer a idéia de ter um outro salão”, lembra Kátia.

Propositadamente, eles buscaram um endereço próximo da primeira casa. “Não conseguiríamos gerenciar dois buffets que ficassem distantes um do outro. Gostamos de estar em todas as festas, de controlar tudo. O cliente pede e exige essa presença”, afirma a proprietária.

A idéia é oferecer um espaço neutro, em tons de branco, preto e prata, que possa ser adaptado à decoração pensada pelo aniversariante. “O salão é decorado com tensionados de lycra branca, ou colorida. Oferecemos como opcional o serviço de decoração, sempre com propostas originais, das festas tradicionais de debutantes, com cadetes, até as discotecas mais informais”, comenta.

O Portal K tem um salão onde fica o DJ, a pista de dança e um bar. No caso de festas teens, o bar só servirá bebidas sem álcool, apenas com o serviço de flair e pirofagia executado pelos bartenders. No andar superior, um espaço tipo lounge, mais reservado e tranqüilo, é decorado com sofás e pufes. O jardim zen, com bancos e fontes, é o espaço ideal para fotos tanto dos teens e debutantes como de noivos.

O serviço pretende manter o mesmo padrão do KBoom. “Continuaremos com os mesmos fornecedores de alimentação do infantil, pois acredito na qualidade de todos. O novo buffet conta com hostess e garçons. Temos funcionários antigos, que dão ao buffet um clima de família e faz uma grande diferença no entrosamento das festas. Queremos fazer o mesmo com o Portal K”, sustenta Kátia.

 

No Tatuapé

Também o Tatuapé está ganhando seu primeiro buffet teen, o Beat Club, de Anna Maria Murlo, também proprietária do Radical Kids, espaço de festas infantis no mesmo bairro. “O Tatuapé ainda não tinha um buffet teen. Se eu abrisse outro buffet infantil, seria apenas mais um. Percebia que mesmo as casas infantis que têm discoteca não são voltadas só para os adolescentes. O Beat Club dará a impressão de uma verdadeira balada”, conta Anna Maria.

O salão de 700m2 com mezanino foi construído especialmente para o buffet. O espaço comporta até 300 pessoas e tem tratamento acústico. “Não se trata de um espaço adaptado, mas projetado por arquitetos”, frisa. O visual inclui tijolinho à vista, madeira e aço escovado. O bar garante espaço para a preparação dos drinques não alcoólicos. O DJ ocupará o mezanino, de frente para a pista de dança, cuja alegria é garantida por uma iluminação profissional, incluindo moving read, com 15 movimentos diferentes de luzes e projeção do nome e da foto do aniversariante nas paredes. Jogos eletrônicos e uma lan house, localizados no mezanino, garantem diversão para os que não quiserem se esbaldar na pista. Também no andar superior, um camarim dá privacidade para debutantes que precisarem trocar de roupa.

No Beat Club, Anna Maria oferece cardápios personalizados e exclusivos. Pratos quentes são preparados na cozinha industrial do buffet. Salgados, bolos e doces são terceirizados. O fornecedor é exclusivo e o mesmo que produz a alimentação do Radical Kids. Segundo a proprietária, o novo buffet está preparado para atender das iniciantes baladinhas dos pré-adolescentes às mais sofisticadas comemorações de 15 anos, jovens e adultos, com pacotes estendidos, mais longos do que as quatro horas habituais das festas infantis.

 

BOLEIRAS FAZEM MARAVILHAS NAS FESTAS

Segundo os historiadores, a tradição de se comer bolos em aniversários surgiu na Grécia Antiga, em homenagem à deusa da caça, Ártemis. O costume chegou à Alemanha, na Idade Média, quando os camponeses faziam festas infantis que começavam ao raiar do dia. As velas eram acesas e a criança acordava com a chegada do bolo. O hábito se propagou por várias gerações e povos, fazendo do bolo um item indispensável para a comemoração da festa de aniversário.

Com o passar do tempo, as técnicas para se preparar esse doce evoluíram e novos ingredientes surgiram para proporcionar mais sabor e facilitar a modelagem em formatos considerados verdadeiras obras de arte comestíveis.
Hoje a criatividade dos profissionais que fazem bolos decorados para festas infantis não tem limites. Pode-se encontrar os mais diferentes temas em forma de bolo que vão desde personagens de filmes e histórias infantis do momento, como Os Incríveis, Quarteto Fantástico e a Fábrica de Chocolate, até cenas que reproduzam campos, florestas com animais entre tantas outras permitidas pela imaginação. O ingrediente principal utilizado para a cobertura e modelagem dos personagens é a pasta americana, massa de açúcar misturada com gelatina, glucose, gordura vegetal, açúcar impalpável e água. Flores, drapeados são feitos com massa elástica e glacê real. Para colorir são usados corantes. A vantagem é que esses ingredientes, além de proporcionarem formas perfeitas às criações, são todos comestíveis.

Bolos e Doces no Mesmo Tema

A Luciana Bolos, da artista plástica Luciana da Veiga Jardim, há 10 anos fornece bolos e doces decorados para festas infantis. Os temas que mais têm sido procurados são o Ursinho Puffy, Nemo e as Princesas. “Recentemente fizemos um bolo de aniversário com a Branca de Neve, Cinderela e A Bela Adormecida para uma menina que completava 7 anos de idade e que foi o maior sucesso. As personagens foram modeladas com pasta americana lado a lado, em cima do bolo, e a mesa decorada com docinhos que seguiam o tema. Um desses imitava o sapatinho da Cinderela”, lembra Luciana.

Muitas vezes as pessoas ficam tão encantadas com os bolos que não têm coragem de cortá-los. Para essas situações Luciana recomenda um bolo extra, mais simples, no mínimo com 2 kg, na cor do tema do bolo decorado para ser distribuído aos convidados.

Outra dúvida que pode surgir é o tamanho do bolo ideal para atender aos convidados. “Calcula-se de 50g a 80g de bolo por pessoa. Se a maioria for criança, um bolo com 5kg é ideal para servir a garotada. Se existem mais adultos, o ideal é um bolo de 7kg”, para 100 pessoas, avalia Luciana.

No que diz respeito aos docinhos para decorar as mesas, Luciana oferece pão de mel, os pintados com o personagem ou o nome no aniversariante e ainda os modelados em diversos formatos. Outra sensação nas festas infantis é o pirulito de chocolate, com 6 cm de diâmetro, feito um a um e também decorado com personagens ou o nome do aniversariante. “As crianças adoram pirulitos. Também forneço o porta pirulitos que serve para decorar uma mesa de balas”, comenta ela.



Recheios Saborosos

Cerca de 10 tipos de recheios para bolos feitos com pasta americana, como os de brigadeiro, damasco, baba de moça e doce de leite com nozes são as possibilidades que Maria Iraildes oferece aos clientes. “Apesar dos recheios não serem com frutas frescas, porque o bolo não é conservado na geladeira, são muito saborosos”, explica. Há 8 anos nesse mercado, tem cerca de 1.500 fotos de bolos decorados para apresentar aos clientes, que muitas vezes ficam em dúvida na hora da escolha. “As mães chegam com uma idéia pronta na cabeça e quando olham as fotos dos bolos que eu já fiz acabam mudando de idéia e optando por um outro tema”, comenta.

Em média, Iraildes decora cerca de 50 bolos por mês para festas infantis. Um dos últimos, uma floresta com leão, macaco, cobra, zebra, elefante, todos modelados com pasta americana, fez muito sucesso. Outro tema, o Parque Disney, segundo ela, ficou uma verdadeira obra prima. “Modelei um navio, cachoeira e um carro passando sobre uma ponte. Dentro do automóvel um menino com as feições do rosto do aniversariante.

Em se tratando de reproduzir, em suas criações, pessoas convidadas da festa, Iraildes sempre atende às solicitações dos clientes. “Tem mãe que manda foto da roupa que a criança vai vestir no dia da festa para que eu modele igual em cima do bolo”, comenta. Em uma outra vez, Iraildes preparou um bolo para um senhor, ele com rostinho de criança e rodeado pelos 10 netos, todos modelados.

 

Para incrementar a decoração e as opções de doces na festa, Iraildes ainda faz pirulito de pipoca caramelizada colorida, pão de mel, muffins decorados com o personagem no tema ou com o nome do aniversariante, centros de mesa comestíveis em forma de bolo e minibolo decorado. “O minibolo é um sucesso para ser entregue aos convidados como lembrancinha de uma festa infantil”, comenta Iraildes.

 

 

 


Técnica

Há 6 anos, a publicitária Patrícia Schmidt cria bolos, minibolos e doces decorados. Ela se diz curiosa por opção e está sempre atenta às novidades em temas e ingredientes para a preparação de seus bolos. Recentemente, esteve em Nova York para participar de mais um curso de confeitaria, dos 8 que já realizou, onde aprimorou a técnica do uso da glucose para fazer detalhes transparentes, como a água de uma piscina. Além disso, Patrícia ministra cursos, inclusive em faculdades nas especializações de gastronomia e confeitaria e panificação.

Nozes, pão-de ló branco ou de chocolate são as opções de massas dos bolos oferecidos. Entre os 6 tipos de recheios estão o ganache de chocolate ao leite ou branco, feitos com creme de leite e aromatizado com essência de baunilha ou com bebida alcoólica. Os mini bolos encontram-se nas versões brownies com nozes ou café, Christmas Cake ou bolo de frutas e especiarias.

A pasta americana é o ingrediente que Patrícia usa com extrema habilidade para modelar os cerca de 80 bolos que prepara por mês. Para festas infantis, o que mais tem sido procurado são os temas Hello Kitty, Irmãos Coala e Harry Potter. Os bichinhos em forma de bolo também estão na lista dos mais pedidos. “Recentemente, fiz um bolo em forma de joaninha para comemorar os 4 anos de Sofia, filha caçula do cantor Djavan”, revela.

Outro tema muito solicitado é a fazendinha. Doces em forma de animais, bolo, cercas, casinhas, árvores, enfim, todos os itens que existem em uma fazenda são criados por Patrícia.

Em 2001, Patrícia lançou o livro “Minibolos decorados” com mais de 150 fotografias e 22 receitas para várias ocasiões. Segundo a autora, os minibolos são muito procurados como opção de lembrancinha de aniversário, batizado, casamento, bodas de prata, primeira comunhão e maternidade. “São embalados em caixas transparentes com a fita que segue o tom da cor do bolo”, explica Patrícia. Em uma festa infantil, cerca de 50 minibolos sortidos, decorados por Patrícia, foram empilhados formando um grande bolo. Cada criança se dirigia à mesa para escolher o bolo que mais agradasse. “Em uma outra ocasião, cada convidado recebeu um minibolo junto com uma velhinha e um garfo. Na hora de cantar parabéns pra você, todo mundo assoprou a sua velinha e comeu o bolo, sem precisar usar outro pratinho”, lembra.

 

Está finalizando um outro sobre bolos decorados, com lançamento previsto para o início do ano que vem.

 

 

Variedade

Maria Luiza de Salvo, da Tudo Doce, prepara bolos e tortas decoradas no tema desejado pelo cliente. “Fazemos todos os tipos de bolos, em vários formatos e tamanhos, como instrumentos musicais, símbolos de times e personagens de desenhos”, relaciona Maria Luiza.

Para rechear os bolos decorados, a Tudo Doce dispõe de mais de 30 tipos de combinações, com a vantagem de o cliente poder ainda criar outras sugestões. Entre as opções de recheio a empresa oferece os pães de ló com creme de castanhas, pão de ló branco com creme de ameixa, pão de ló de chocolate e creme de menta e massa folhada e creme de baunilha e chantili.

Há 17 anos nesse mercado, fornece cerca de 80 bolos por mês para festas infantis, além dos elaborados para casamentos. Utilizando pasta americana, marshmallow, balas, bolachas, glacê real e anilinas coloridas comestíveis, entre outros ingredientes para decorar os bolos, Maria Luiza tem recebido muitas encomendas de bolos decorados com vários personagens de histórias infantis, como Nemo, Homem Aranha, As princesas e Os Incríveis.

O bolo da Moranguinho é o mais apreciado para as festas de meninas. “Ele é coberto com marshmallow e a personagem é pintada em cima do bolo e rodeada por florzinhas de açúcar”, explica Maria Luiza.

 

Pasta Americana Caseira

Na adolescência Ana Paula Cavarsan gostava de cozinhar e preparar os bolos de aniversário da família. Ingressou no mercado de trabalho atuando como executiva em várias empresas o que a deixou sem tempo para a culinária. Depois do nascimento da segunda filha, decidiu se dedicar mais à família e se profissionalizar na área de bolos decorados realizando cursos e investindo em publicações do segmento. Há quase um ano, Ana Paula está nesse mercado com a Nana K – Cakes Designer. E os negócios têm progredido. “Em média estou fazendo 20 bolos por mês”, comemora Ana Paula.

Metade da produção de bolos decorados da Nana K é destinada ao público infantil. “Geralmente, os meninos querem os bolos com os super-heróis, como Homem Aranha, Liga da Justiça e Batman. No caso das meninas, a Hello Kitty e as bonecas de um modo geral são as que mais agradam”, explica Ana Paula.

É regra: quem trabalha com bolo confeitado precisa usar a pasta americana. No caso de Ana Paula, ela mesma produz o ingrediente em vez de comprar o industrializado. “Eu não gosto muito do sabor das pastas prontas. Sempre que é possível procuro usar outras coberturas, como o ganache e o brigadeiro, que para mim são mais gostosos, e emprego a pasta americana apenas nos detalhes”, confessa.

Um dos bolos decorados mais trabalhosos que Ana Paula fez foi uma caixinha de maquiagem para uma menina de 11 anos. Foi muito gratificante fazê-lo, porque ele é muito artesanal. Em tons de rosa e branco, modelei a nécessaire com detalhes em flores, batons, cotonete, espelho de mão, potinhos de sombra entre outros itens”, descreve.

Para complementar a festa, Ana Paula também faz bombons glaçados e decorados e muffins.

 

 


Montagem em Cinco Horas

Um bolo decorado tem que ser lindo, úmido e saboroso. Essa é a receita de sucesso de Seli Rigazzi, que adora desenvolver formas e temas de bolos diferenciados. Faz pouco tempo preparou um bolo confeitado no modelo do carro do Batman, em marrom e branco, com o logotipo do morcego em amarelo na frente do carro e o personagem ao volante.

Mesmo inovando em suas criações, Seli comenta que os mais pedidos são os temas da moda. “Barbie, Os Incríveis, Disney e bichinhos da floresta são muito procurados para festas infantis”, relaciona.


Os bolos de Seli são confeitados com pasta americana e glacê real. Para fazer a decoração pode levar até 5 horas. As opções de recheios oferecidas são os tradicionais, como os de brigadeiro, mousse de chocolate e moranguinho. Seli sugere que as encomendas sejam feitas com 30 dias de antecedência.

 

 

 

Criatividade

Há 9 anos, Claudio Mechetto trocou a área de vendas de auto adesivos pelo mercado de confeitaria para festas. Assistindo ao programa do colunista Amaury Jr viu a apresentação de uma confeiteira Argentina que preparava bolos modelados. Foi aí o ponto de partida para que Mechetto iniciasse uma série de cursos para se aperfeiçoar na técnica. Ficou expert no assunto. Começou a oferecer cursos e oficinas para ensinar o passo-a-passo da confecção dessas esculturas saborosas e inaugurou a Tumballum.

Na opinião de Mechetto, o trabalho de confeitaria precisa ser harmonioso. “A criatividade não pode interferir na estética do bolo”, ressalta.

Entre os ingredientes usados por ele para a decoração dos bolos estão a pasta americana de chocolate branco e a ao leite, a massa elástica e a massa de pastilhagem, utilizada para a construção de peças como pilastras.

Os temas mais procurados para festas infantis são o Hello Kitty, Os Incríveis, animais de fazenda e Ursinho Puffy. Para esse último, Mechetto comenta que, certa vez, modelou um bolo com todos os personagens da série que ficaram muitos parecidos com os originais. “O ursinho foi modelado em cima do bolo e ao redor dele todos os outros personagens”, descreve.

Um outro bolo que fez muito sucesso foi o do Toy Story criado para o aniversário do filho do ator Marcos Caruso.”Consegui dar a transparência exata na modelagem do capacete do personagem que é um astronauta”, vibra.

Para deixar uma mesa de guloseimas muito bonita e com ingredientes saudáveis, Mechetto trabalha diversas frutas em forma de bichos. “A banana vira um jacaré, o pêssego, um pato, a uva Itália, uma rã, o kiwi , um gorila e com a laranja faço um elefante”, revela.

Bolos em Quinze Minutos

Faz 12 anos que Evelin Bassani atua no mercado de festas infantis. Trabalhava como monitora de um buffet no bairro do Tatuapé, quando a proprietária descobriu seus dotes culinários e começou a encomendar os doces e bolos produzidos por Evelin. Fez tanto sucesso que, há 4 anos, Evelin inaugurou a Confeitaria La Bassani, que, hoje, atende cerca de 30 buffets em toda São Paulo, além de casas noturnas e empresas e recebe, em média, 280 pedidos por mês.

A La Bassani não confeita os bolos e doces com a pasta americana. Utiliza o chantili industrial, que suporta a luz e permite que fique mais tempo fora da geladeira sem rachar a cobertura. Para a decoração com personagens, foto do aniversariante entre outras possibilidades, a La Bassani utiliza o papel de arroz, uma película comestível semelhante a hóstia dos católicos, que é colocada sobre a cobertura do bolo antes da aplicação do tema desejado. “Os motivos podem ser pintados ou mesmo pode ser reproduzida a foto do aniversariante sobre o bolo”, explica Evelin. Segundo ela, os temas mais pedidos para festas infantis são o Bob Esponja, Piu Piu, Minie, Mickey, Os Incríveis, As Meninas Superpoderosas e também a foto do aniversariante junto com o personagem favorito.

A empresa oferece mais de 40 sabores de bolos, como os de chocolate, que é o mais procurado, sensação, sonho de valsa e prestígio.

Se você esqueceu de encomendar a tempo o bolo para uma festa, a La Bassani prepara o seu bolo no dia do evento. “Temos capacidade de fazer um bolo de 1,5 kg com produtos frescos. Em 15 minutos está pronto para o cliente levar para casa”, conclui Evelin.

Esculturas

Autora do livro “Arte em Açúcar”, pela editora DBA, Isabela Suplicy é muito requisitada em festas infantis pelas esculturas de seus bolos, mini bolos que podem ser recheados com mousses, trufas, ovos moles, marzipan, nozes, frutas secas e frescas entre outras maravilhas. Os minibolos decorados, além de poderem ter os mesmos recheios do bolo de aniversário, segundo Isabela, completam a decoração das mesas nas festas infantis.

Há 10 anos encantando e decorando festas, casamentos e eventos de celebridades com as suas criações deliciosas, para festas de criança Isabela procura explorar o personagem e todos os aspectos relacionados ao tema. “Para o Peter Pan construí uma caravela sobre o mar e modelei os principais personagens do filme ao lado de um baú com moedas de ouro”, relata.

Segundo Isabela, os temas mais escolhidos pelos meninos, além do Peter Pan, são o Scooby Doo, Nemo e Barney. Para as meninas, os que agradam mais são As Princesas, Hello Kitty e Fazendinha.

 

Temas de Filmes

Nininha Sigrist faz mais de 150 bolos decorados por mês distribuídos entre festas infantis e casamentos. A pasta americana, as massas elásticas e pastilhagem são os principais ingredientes para a modelagem de seus bolos. Entre as suas criações, que são verdadeiras obras de arte, estão os da casinha dos sete anões e o de Fadas e Duendes.

“As crianças adoram escolher o bolo para a sua festa”, comenta Nininha. Segundo ela, os personagens de desenhos infantis são os que fazem mais sucesso com a garotada. “Pocahontas, Peter Pan, Os Incríveis e as Meninas Superpoderosas são os mais pedidos”, revela.


Novidade

A Kiko’s Cakes é uma empresa de bolos decorados que trabalha em parceria com a Fabrika de Festas, especializada em organização e decoração de festas infantis. Para os mais de 20 temas da Fabrika de Festas, a Kiko’s Cakes tem dezenas de opções de bolos. Para o Circo, por exemplo, há desde um grande leão até um picadeiro. “Assim, a mesma decoração pode receber um bolo totalmente exclusivo, explica Francisco Gari, responsável pela empresa. Os bolos que complementam as decorações da Fábrika de Festas são todos esculpidos, normalmente no formato do personagem. Os mais procurados são o Leão e o Safári, o Circo, com o palhaço modelado em cima do bolo, e o Barney.

Para que a pasta americana fique mais saborosa, Francisco revela o segredo: “antes de aplicar a pasta americana usamos uma massa de chiffon”.

 

No que diz respeito à massa dos bolos, a sócia Laís Alfano, formada em Gastronomia há 5 anos, acaba de inovar com a receita especial no sabor de cenoura recheado com brigadeiro. “Recentemente fizemos um bolo de cenoura com chocolate, todo em losango, que as crianças adoraram, pelo visual e sabor”, comenta Laís. Os recheios podem ainda ser de trufa e baba de moça.

Para montar um bolo decorado, a empresa solicita que a encomenda seja feita com um mês de antecedência. “Esse trabalho é tão detalhado que pode demorar quase um dia inteiro para o preparo de um único pedido”, comenta Francisco.

Um bolo que fez muito sucesso foi o de números e letras para a festa de uma menina que fazia 6 anos. “Tinha dois andares, com o fundo verde, e na parte de cima decorado com números e na de baixo com letras do alfabeto, todas muito coloridas”, descreve.

Sabor Visual

A Glacê Doce, de Regina Sampaio, oferece bolos doces e salgados para festas infantis há 11 anos. Desde 2003 se especializou na modelagem de bolos com a pasta americana para atender aos inúmeros pedidos dos clientes. “As pessoas queriam um produto saboroso com um visual artístico”, comenta Regina.

Entre os temas mais procurados, Regina relaciona os do Barney, Os Incríveis, o da Turma da Mônica e Princesas, que completam a decoração das mesas.



TUDO NO MESMO TEMA



É regra: quem faz uma festa temática para o filho quer fazer sempre. Além de desfrutar de momentos inesquecíveis, fica cada vez mais atento aos detalhes que compõem o tema. A decoração, os personagens ao vivo, as fantasias, docinhos e bolo diferenciados e até as lembrancinhas são preparados de forma a combinar com todos os itens que fazem parte da festa. Segundo os proprietários de vários buffets paulistanos, as festas infantis temáticas mais realizadas costumam estar relacionadas a personagens da moda. Hello Kitty, Barney, Os Incríveis e os Super Heróis têm sido os mais pedidos. Existem também aqueles temas que nunca saem de moda como as Princesas, Branca de Neve, Cinderela e Bela Adormecida, Fazendinha e Moranguinho. Com a concorrência acirrada nesse mercado, os buffets têm investido e inovado em produtos e serviços, além de oferecer idéias muito criativas para a realização das festas temáticas.

Safári para a Garotada

Localizado na zona Norte em uma área de 800 m2, o buffet Mega Boom tem capacidade de realizar festas com até 300 convidados. Em sua estrutura dispõe de vários ambientes, como mini lanchonete, bar dos pais e 18 brinquedos para crianças e adultos se divertirem juntos. Entre os salgados e doces preparados pela equipe do Mega Boom, o brigadeiro Mega Boom, coberto por corante comestível na cor dourada e a esfiha folhada de carne com gergelim são os que mais fazem sucesso.

Todo o mês, pelo menos 1 das 20 festas que realiza é temática. Em um ano de funcionamento, organizou eventos havaianos, cowboy, à fantasia e, recentemente, um infantil que reproduziu um verdadeiro safári. “A tematização dessa festa foi diferenciada. Produzimos a decoração, o convite e as lembrancinhas de acordo com a escolha do tema”, ressalta Luciana.


Quem idealizou os detalhes da decoração e ambientação do tema safári no Mega Boom foi Lilia Fabbri Nicolaevitsch, para comemorar o aniversário dos filhos Gregory, de 5 anos e Breno, de 9 anos. Pediu o auxílio a uma amiga que faz decoração de ambientes para que sugerisse tudo o que poderia ser explorado para caracterizar o tema.

Os cerca de 130 convidados subiram a escada por dentro de uma grande boca de um tigre que dava acesso ao salão do buffet. Ainda na parte externa, a decoração foi feita com o uso de folhagens e vários bichos selvagens, como macaco, leão, elefante e zebra, que estavam sobre o chão forrado por serragem e iluminados por 2 grandes tochas. Dentro do salão, podia-se ouvir a gravação do ruído de animais.

A decoração do salão seguiu os mesmos motivos e cores da que foi planejada na parte externa do buffet. “O chão estava repleto de folhagens e vários bichos de ‘mentira’ foram colocados ao redor de grandes tinas que serviam de mesa para os dois bolos que encomendei”, detalha Lilia.

Para entrar no clima de um verdadeiro safári, Lilia, o marido, os filhos e até os convidados se produziram com roupas e acessórios relacionados ao tema.”Eu me vesti de caçadora. Usei calça com bolsos laterais e uma bota forrada com tecido que imitava pele de onça. Meu marido e meus filhos vestiram calças e camisas em tons de verde e cáqui e todos colocamos chapéus”, descreve Lilia.


O convite tinha a foto dos aniversariantes vestidos para um safári, convocando todos a participar de uma grande aventura. Para as crianças a lembrancinha escolhida foi uma caneca com a alça em forma de bichos, os mesmos que compuseram a decoração. “Embalei as canecas com tecido bege, com a foto dos meninos estampada, e amarrei com uma fita marrom”, explica Lilia. As mães receberam de recordação da festa um chaveirinho com um animal, que emitia o som correspondente quando a barriga era apertada. Para os pais, um charuto de chocolate. “Todas as lembrancinhas foram acompanhadas de cartão de agradecimento também personalizado”, lembra.


“O serviço oferecido pelo Mega Boom foi muito bom. Todos os convidados adoraram a comida e o atendimento”, vibra Lilia, que está planejando a festa do ano que vem com o tema “Copa do Mundo”.

 

 

 

 

Colombina e Malabarista

Há 8 anos no bairro de Santana, o buffet Sonho a Mais realiza mais de 25 festas por mês, oferecendo bolos e doces decorados de acordo com o tema escolhido da festa. “Preparamos os bolos com pasta americana no formato do personagem e os docinhos também são decorados com o tema”, comenta Kátia Sousa, sócia-proprietária do buffet. Os temas mais procurados são Os Incríveis, As Princesas e a Hello Kitty. “O Circo também é um tema muito escolhido para festas de crianças com um a três anos”, acrescenta Kátia.


Esse foi o tema explorado por Adriana de Oliveira Zamberlan, para a festa de dois anos de seu filho Lucas. “Na entrada do buffet foram colocados dois palhaços feitos em balão de gás com dois metros de altura cada. Uma atriz vestida de colombina e um perna de pau usando fantasia de pata recepcionavam os convidados”, descreve Adriana.

”Ao entrar no salão as pessoas eram surpreendidas por um realejo que tirava a sorte de cada convidado”, comenta Adriana.

As diversões durante a festa de Lucas não pararam por aí. Seis monitores, vestidos de palhaço, brincavam com as crianças, enquanto o perna de pau fantasiado de pata gigante puxava crianças montadas em outros bichos — cachorro, pato e onça pelo salão. No decorrer da programação Circo Tradição fez um show de 45 minutos com seus 14 cachorros das raças poodles, dálmatas e collie, que animou crianças e adultos, dando a impressão que estavam em um circo.

Os adultos deram boas risadas enquanto aprendiam os movimentos com uma experiente malabarista. “Todo mundo ficou tentando girar o chapéu na vareta, manipular bolas, bastões e discos no ar”, lembra Adriana.

Na hora dos parabéns, Lucas e a família entraram no salão acompanhados por uma banda que tocou música de circo. Enquanto isso, um palhaço se equilibrava sobre um monociclo.

Adriana sempre organizou festas temáticas. Para a filha Mariana, de 6 anos, preparou uma no tema “A Pequena Sereia”, onde tudo foi decorado com peixinhos e a lembrancinha era um aquário. “Sempre programo uma festa com um tema que sei que os meus filhos vão gostar. E recebo muitos elogios dos convidados com o resultado final”, gratifica-se Adriana.


Boca de palhaço gigante

Em uma área de 600 m2, no bairro de Santana, o Gargalhada Buffet realiza cerca de 15 festas por mês. Inaugurado há pouco mais de um ano, o espaço tem capacidade para atender até 180 convidados e sua estrutura dispõe de 15 brinquedos para a diversão da criançada, além de ampla área externa que pode ser utilizada para churrascos. Entre os quitutes que mais fazem sucesso estão a coxinha e as bolinhas de queijo feitas com massa de batata, que integram as 12 opções de salgado oferecidas pelo buffet. “ O destaque doce é a surpresa de uva ”, conta Priscilla Gidget Soller, proprietária do buffet.

Todos os meses o Gargalhada realiza cerca de 3 festas temáticas. Para tanto, os detalhes da decoração do salão, o bolo e a lembrancinha são preparados de acordo com a escolha do tema.”O bolo é feito com papel de arroz com o motivo da festa estampado e as esculturas de balões seguem as cores e as formas que compõem o tema”, comenta Priscilla.


Desde que Caio completou um ano, a mãe Monika Wolf Costa faz festas temáticas para o filho. No primeiro ano, foi em casa com o tema Tarzan. No seguinte, Aladim. No aniversário de três anos, foi o do Sítio do Pica Pau Amarelo. Nas três festas, Caio usou a roupa do personagem. Para a comemoração deste ano, Monika investiu um pouco mais. “Decidi fazer a festa em um buffet e contratar um ator para vestir-se de Barney, o personagem favorito e escolhido por Caio ”, revela.

Monika levou a idéia do tema e os detalhes prontos para o buffet Gargalhada. Na entrada do salão foram colocados balões coloridos imitando um arco-íris. Barney recepcionava os convidados ao lado do aniversariante. “O personagem ao vivo causou muita emoção para meu filho”, lembra. Na hora dos parabéns, uma surpresa: “eu e meu marido entramos no salão por uma boca de palhaço gigante, usando roupas extravagantes e engraçadas, com efeitos de luzes e fumaça. Todo mundo riu”, recorda-se.

 

Confeito de Açucar

A fidelidade do cliente é um dos pontos fortes conquistado pelo buffet Sonho sem Fim, de Gláucia Gonçalves. Há 13 anos no bairro do Tatuapé, organizando vários tipos de eventos, desde coquetéis até festas infantis, ganhou a aprovação dos clientes pela qualidade dos produtos e serviços prestados. “Tenho clientes fiéis há quase 10 anos”, declara Gláucia.

Em média, o Sonho sem Fim realiza 15 festas por mês. Desse total, 60% é temática. Para essas ocasiões, Gláucia confecciona desde o convite até a lembrancinha personalizados. Para a decoração do bolo, a estampa de um personagem é feita com confeito de açúcar. ”A imagem fica perfeita e, na hora de cortar, o bolo não se despedaça”, garante.

Dos produtos servidos em suas festas, os risoles com vários tipos de recheios e o docinho bicho de pé são os que mais agradam. ”As crianças voam em cima”, revela sorrindo.


Os serviços e produtos oferecidos pelo Sonho sem Fim, aliado, às sugestões de decoração, cardápio e demais providências foram decisivos para a realização da festa de um ano da menina Lorena, filha de Deise Thimotheo. ”Como Lorena é a minha primeira filha e todo esse universo de festas infantis é muito novo para mim, me senti muito segura e satisfeita com as opções que me foram recomendadas para a festa do seu primeiro aniversário”, declara.


O tema escolhido foi Hello Kitty.”Ela vibra quando vê qualquer coisa sobre a personagem”, destaca Deise. Sobre o bolo foi estampada a Hello Kitty com confeito de açúcar. ”Ficou tão perfeito que dava até dó de cortar”, recorda. A vela sobre o bolo era no formato da personagem. As mesas foram decoradas com balões importados e metalizados, com círculos de rosas, relacionados ao tema.

O convite, também com a personagem, tinha o formato de um pendurador de porta, igual aos que são usados em hotéis para liberar a entrada das arrumadeiras de quarto. Todos saíram com um porta retrato de recordação da festa, com a moldura feita no tema, junto com a foto de Lorena e a do convidado, que foi tirada na hora da festa.


A experiência de realizar a primeira festa temática de aniversário para a filha foi muito gratificante para Deise.”Lorena tem se encantado muito com os bichinhos de fazenda do programa Cocoricó, da TV Cultura. Pode ser que esse seja o tema da festa do ano que vem”, conclui.


 

 

 

Branca de Neve na Recepção

Das 10 festas infantis que o buffet Turma Espacial realiza por mês, pelo menos duas são temáticas. “Hello Kitty, Branca de Neve, Batman e Os Incríveis são os temas mais procurados”, relaciona a proprietária Fabiana Paino. Inaugurado há pouco mais de um ano, no bairro do Tucuruvi, o Turma Espacial está sempre investindo em novos brinquedos para garantir a diversão da garotada. E oferecendo diversos tipos de salgadinhos, doces e bolos, como o crepe suíço de queijo e chocolate, que é cortesia para todas as festas.


Usufruindo toda a estrutura e serviços oferecidos pelo Turma Espacial é que Eliana da Silva Salomão realizou a primeira festa temática para sua filha Bianca, de 4 anos. “Foi Bianca quem escolheu o tema da Branca de Neve e os Sete Anões. Vestimos Bianca com a roupa da personagem e contratamos uma atriz que se caracterizou de Branca de Neve para recepcionar os convidados e brincar com as crianças”, explica Eliana.

A decoração das mesas, segundo Eliana, seguiu o tema e ficou muito bonita. “Todas as mesas tinham uma escultura de balão em forma de maçã, para lembrar a que Branca de Neve mordeu e fez com que caísse em sono profundo”, relata.


Eliana ficou muito feliz com o resultado da primeira festa temática realizada para a filha. “Para o ano que vem estou programando fazer com o tema A Pequena Sereia. Bianca tem falado muito da personagem”, conclui.

 

 

 

 


Homem Aranha e Papel Picado

Há sete anos promovendo festas infantis, o buffet Esquina da Alegria tem capacidade para atender 150 pessoas e realizar festas temáticas. Temos toda infra-estrutura e serviços para seguir o mesmo tema na festa toda, informa a sócia-proprietária Evelise Nunes Garcia. ”Fazemos bolos modelados com o personagem, doces decorados com o tema e todos os arranjos do salão personalizados. A hora do parabéns é um momento muito especial. “O aniversariante desce pela escada, ao som da música tema da festa, com gelo seco e estouro de balões que, com o eco, simulam o som de fogos de artifício”, descreve Evelise.

Entre os quitutes oferecidos pelo buffet, os destaques são os salgadinhos coloridos com corantes comestíveis, como coxinhas e bolinhas de queijo nos tons de verde, laranja e vermelho. ”Além de deixar a mesa com um visual bonito e divertido, as crianças gostam muito”, comenta Evelise. As atrações doces que fazem sucesso são as tacinhas de morango, com gelatina de morango líquida e chantili e os picolés nos sabores de mamão, melancia, abacate, coco, chocolate, banana e milho.”Um carrinho de sorveteiro circula pelo salão para distribuir os picolés. A criançada gosta muito e os adultos também”, comenta.

O atendimento e a qualidade da alimentação oferecidos pelo Esquina da Alegria foram decisivos para que Daniele Rita Castro Barbato, realizasse por três anos consecutivos as festas temáticas de seu filho Matheus no mesmo buffet. “A primeira foi com o tema “Ursinho Pooh”, a segunda, do “Barney”, e a última, de três anos de idade, do “Homem Aranha”, relaciona Danielle.

A escolha do tema e os detalhes que deveriam estar presentes na decoração foram definidos por Matheus. “Ele falava tudo o que queria para a sua festa. Chuva de papel picado na hora dos parabéns, usar a roupa do Homem Aranha e a presença do personagem foram as suas exigências”, comenta orgulhosa Danielle.


A diversão ficou a cargo do Homem Aranha que brincou o tempo todo com a garotada, além das esculturas de balões feitas pelos monitores, e do camarim de cabelo e maquiagem para a produção das crianças.”No rostinho dos meninos eram pintadas aranhas e nas meninas, motivos mais delicados, como flores, estrelas e corações”, descreve Danielle.

Dentro do roteiro de atrações da festa de Matheus, que teve 100 convidados, foram exibidas em um telão 50 fotos da evolução das proezas do menino, inclusive, com a roupa do Homem Aranha.

Danielle optou pelo bolo feito com papel de arroz com a impressão do Homem Aranha e uma vela no formato do personagem.

Para a decoração foram utilizados balões vermelhos, brancos e azuis seguindo o tema. Os centros de mesa também seguiram as mesmas cores dos balões com um porta retrato do Matheus vestido de Homem Aranha.”Foi a opção de lembrancinha da festa escolhida para os adultos”, comenta Danielle.

Danielle preparou kits diferenciados de lembrancinhas de acordo com a idade do convidado. ”Para os bebês, escolhi um martelo inflável do Homem Aranha, e para as crianças, com idades entre 3 e 8 anos, preparei um kit escolar personalizado contendo sticker, chaveirinho e desenhos do Homem Aranha para colorir”, explica.


voltar para arquivo